quarta-feira, 11 de março de 2009

Adeus Amor

Adeus
É tudo o que te posso dizer
Nada tem sentido
Sinto-me a morrer
Depois de te ter perdido

Adeus
Palavra pequena
Sentimento dor
Despedida sentida?
Ou o fim da vida?

Adeus
Tudo o que havia para dizer
O que podia fazer?
Já não da mais para querer
Nem para esconder

Adeus
O teu olhar já me disse
O que a tua boca calou
Só para que sentisses
Que tudo mudou

Adeus
Não te consigo olhar
Mas pelo menos assim
Não te posso enganar
Agora já sabes que de mim

Só peco por te AMAR

3 comentários:

Anónimo disse...

Pois é...sentimento doloroso né? mas tudo paxa komo a agua k korre no rio da noxa vida! Mesmo axim n podes desistir...O resto ja tu sabes!;) lol*jinho desta tua amiga*C22

Lili disse...

"Amor é fogo que arde sem se ver
É ferida que dói e não se sente
É um contentamento descontente
É dor que desatina sem doer"

Dizem que um olhar vale mais do que mil palavras... Concordo, mas se não consegues mais olha-la como verás as coisas verdadeiramente? Será que na altura em que o olhar dela te disse o que a boca calou tu percebeste realmente o seu significado? Será que não estavas tão cego pela dor que não percebeste a sua verdadeira intenção? Não sei!
Não digas "Adeus" diz antes "Até já" ou outra palavra... No amor nada é definitivo... Penso eu, mas também posso estar errada!

Amar o próximo não é nenhum pecado nem nunca será!

Anónimo disse...

pois é.... isso acontece comigo e nao tenhu o direito de raclamar pois pra ele eu sou calada