domingo, 8 de março de 2009

Mata-me Se Perco A Esperança

Sou porque tu és…
Trata de ver-me assim.
Com minha ternura, com minha paixão
E minhas tormentas.
Meu amor não será um hóspede,
Permanecerá a teu lado.
É a unica segura e verdadeira.
Estas distante, mas a tua imagem ronda
Ainda que nao te veja.
Estás em mim, como uma torrente.
E está tua voz
Murmurando palavras de ternura…
E está teu sorriso…suave…calando
Meus soluços de infundadas penas.
Então, porque esta angustia
Que me atravessa até as bordas do espanto…
Esta incerteza,
Este temor de te não ter…
Estou confuso , como num sonho
E mordo teu nome
E de minha alma a esperança emana.
Tens o meu coração nas tuas mãos.
Quero que o sintas,
É a minha maneira de te fazer saber que existo…
E o meu saber que estás aí,
Nessas sombras.
Porque me queima o teu sangue.
E te torna tão real, tão esperada…
Mata-me se ves perder-se
Em minha alma a esperança.

1 comentário:

Lili disse...

"A esperança é a ultima a morrer!"

Não percas a esperança... Podes pensar que a perdeste mas não percas... (deu nó... lol)

Sabes conheço casos muito estúpidos de pessoas que não se decidem e não sabem o que querem ou queriam até ao dia em que perdem a pessoa que gostam... É estúpido não é? Mas acontece... São pessoas que só dão valor ao que tinham quando o perdem ou vêem que estão prestes a perder...

A vida é mesmo assim... Estúpida por vezes... Que podemos nós fazer? Lutar... podemos lutar!