terça-feira, 10 de março de 2009

Perder-te

Não havia nada a dizer
Era uma coisa que custava a crer
Mas era verdade e não se podia negar
Uma coisa era certa, era por te amar.

Só contigo encontrei o amor verdadeiro
E nunca imaginei que me pudesses faltar
Até já imaginava um dia casar
E contigo para sempre ficar.

Sabia que um dia tudo iria acabar
Irias esquecer-me e eu iria sofrer
Mas mesmo sabendo o que iria acontecer
Sorri-te e disse a cantar:

Não me deixes só
Não posso viver sem ti
O meu coração transforma-se em pó
Por favor,preciso de ti

Olha para mim
Estou a sofrer...
És a luz que me ilumina
Não consegues ver?


Pois não
Acho que chegou o fim....

1 comentário:

Lili disse...

Chegou o fim! Porquê? Qual a razão ou as razões? Será que existe alguma?
Quantas são as pessoas que "desistem" sem perceber a razão do fim? Algumas... Porquê? Acho que ninguém sabe...
será que havia alguma coisa de que desistir? Será isto o fim ou o principio?
A vida não é fácil... para alguns é até mesmo quase impossível mas que podemos fazer? Podemos tentar perceber...
"Tudo acontece por uma razão"... Espero um dia perceber a razão de tudo ou quase tudo... Espero um dia conseguir perceber...